Aliados pedem para que governo reduza emissão de MPs

Os líderes de partidos aliados e do governo no Congresso pediram ao ministro da Casa Civil, José Dirceu, em reunião no palácio do Planalto, a redução de edições de medidas provisórias. O objetivo, segundo o vice-líder do governo na Câmara, Renildo Calheiros (PCdoB-PE), é evitar que as MPs continuem trancando a pauta da Câmara e atrapalhem a votação dos projetos. Renildo afirmou que o apelo a Dirceu foi para que o governo só use a MP como exceção, apenas editando-as quando for extremamente necessário. Na reunião, disse Renildo, os líderes discutiram a necessidade de dar velocidade à tramitação das reformas, respeitando o regimento e a negociação política com os partidos. ?O tempo político independe de nós", disse. O vice-líder acredita que as reformas estarão votadas na CCJ dentro de duas a três semanas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.