Aliado de Alckmin pede que PSDB entregue cargos

Presidente da Alesp, Cauê Macris divulga vídeo destacando necessidade de 'independência' ao governo Temer

Daniel Weterman, O Estado de S.Paulo

01 de junho de 2017 | 14h55

O presidente da Assembleia Legislativa de São Paulo, deputado Cauê Macris (PSDB), defendeu o desembarque do PSDB do governo do presidente Michel Temer (PMDB) e a entrega de todos os cargos imediatamente. 

Em vídeo gravado para as redes sociais que será publicado na tarde desta quinta-feira, 1, o tucano, que é aliado ao governador Geraldo Alckmin (PSDB), afirmou que o partido precisa ter "independência" em relação ao governo Temer para que possa votar as reformas no Congresso Nacional.

"Eu defendo que o PSDB entregue todos os cargos dentro do governo federal imediatamente", diz o parlamentar no vídeo. "O PSDB precisa ter uma postura independente e responsável dentro das reformas e das medidas que são boas para o País."

Na publicação, Macris alega que o PSDB precisa protagonizar o processo de retomada do rescimento da economia assim como aconteceu após o impeachment do ex-presidente Fernando Collor. "O PSDB foi fundado com a seguinte frase: longe das benesses do poder. Nós não precisamos estar dentro de governo federal para votar aquilo que é bom para o País", declarou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.