Alencar segue internado em SP e não há previsão de alta

O vice-presidente da República, José Alencar, segue internado no Hospital Sírio-Libanês, na capital paulista. Em 24 de julho, Alencar submeteu-se a uma colostomia, cirurgia para colocação de uma bolsa ligada no fim do intestino. Tumores na região do abdome obstruíam o intestino do vice-presidente.

AE, Agencia Estado

02 de agosto de 2009 | 21h12

Segundo informações do hospital, Alencar continua em recuperação e não há previsão de alta. No entanto, o chefe de gabinete da vice-presidência, Adriano Silva, informou na semana passada que está marcada para esta terça-feira (dia 4) a ida de Alencar aos Estados Unidos, para retomar um tratamento experimental contra o câncer.

O último boletim médico sobre o estado de saúde de Alencar, divulgado na quarta-feira passada (dia 29), informa que o vice-presidente "evolui bem, mas com trânsito intestinal ainda não restabelecido totalmente".

Alencar luta contra o câncer há 12 anos e já se submeteu a 15 cirurgias. Ele está sob os cuidados dos médicos Paulo Hoff, Raul Cutait, Ademar Lopes e Roberto Kalil Filho.

Tudo o que sabemos sobre:
Alencarinternação

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.