Alencar sai da unidade semi-intensiva e vai para quarto

O vice-presidente José Alencar foi transferido para um quarto comum do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, na tarde de ontem. Hoje mais cedo, a assessoria de imprensa do hospital havia informado que ele mantinha o quadro estável e que permanecia na unidade coronária (semi-intensiva), onde estava desde a última sexta-feira, 12. No dia anterior, durante sua internação para tratar uma obstrução intestinal, Alencar foi submetido a um cateterismo devido a um enfarte agudo do miocárdio. Alencar ficou apenas um dia na UTI do hospital.

ANNE WARTH, Agência Estado

16 de novembro de 2010 | 19h25

"O paciente encontra-se estável do ponto de vista cardíaco e continua o tratamento quimioterápico, com melhora do quadro suboclusivo", afirma o boletim divulgado no final da tarde de hoje, assinado pelos médicos Antonio Carlos Onofre de Lira, diretor técnico hospitalar, e Riad Younes, diretor clínico.

Alencar está internado no Sírio-Libanês desde o dia 25 de outubro. As equipes médicas que acompanham o vice-presidente são coordenadas pelos doutores Paulo Hoff, Raul Cutait, Roberto Kalil Filho e Paulo Ayrosa Galvão.

Tudo o que sabemos sobre:
vice-presidenteJosé Alencarsaúde

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.