Alencar quer assumir Presidência até 4ª, informa Planalto

Vice, que está internado em SP, faz questão de assumir cargo interinamente, enquanto Lula estiver em Cuba

DENISE CHRISPIM MARIN, Agencia Estado

13 de janeiro de 2008 | 20h28

O Palácio do Planalto informou neste domingo, 13,  que o vice-presidente da República, José Alencar, faz questão de assumir a Presidência interina do País até quarta-feira. Segundo o Planalto, ele deverá receber alta amanhã do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, onde está internado desde sábado. No final da tarde de hoje, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva conversou com Alencar por telefone e, segundo fontes que acompanharam o diálogo, o vice-presidente se mostrou "tranqüilo e com boa voz".A informação do Planalto esfriou os rumores sobre o possível cancelamento da viagem presidencial à Guatemala e a Cuba, entre amanhã e quarta-feira. O embarque de Lula previsto para amanhã foi confirmado pela assessoria de imprensa da Presidência.O diagnóstico de Alencar mostrou quadro infeccioso, de acordo com o boletim médico. Entre os dias 3 e 6 de janeiro, ele foi submetido a sessões de quimioterapia. Na ocasião, Alencar pediu orações aos jornalistas que o aguardavam na saída do hospital e resumiu seu próprio estado de saúde com a expressão "a coisa está preta". No final de outubro, Alencar havia se submetido a uma cirurgia para a remoção de um tumor abdominal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.