Alencar passa por transfusão e toma antibióticos

O vice-presidente da República, José Alencar, que voltou a ser internado hoje no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, está sendo tratado com transfusões de sangue, antibióticos e fatores de crescimento, segundo boletim médico divulgado nesta manhã. De acordo com o hospital, Alencar passou por vários exames, apontando pancitopenia, que é a diminuição de glóbulos brancos, vermelhos e plaquetas. Este é um dos efeitos secundários normalmente associado à quimioterapia. Alencar luta contra um câncer no abdômen há cerca de 12 anos. De acordo com o hospital, o vice-presidente se sentiu mal devido à baixa imunidade e precisou ser internado para realização de exames.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.