Alencar lamenta escândalos durante 50 anos de Brasília

O presidente em exercício, José Alencar, "lamentou" que Brasília, ao completar 50 anos, esteja vivendo escândalos políticos. "É um quadro triste", disse, ao comentar que viu na TV a imagem do ex-governador José Roberto Arruda saindo da prisão em companhia da mulher. "É uma pena, mas precisamos comemorar os 50 anos de Brasília", afirmou o presidente, acrescentando: "pena que JK (ex-presidente Juscelino Kubitschek) não está aqui para assistir (à comemoração)".

TÂNIA MONTEIRO, Agência Estado

13 de abril de 2010 | 20h25

Sobre as eleições indiretas para o governo do Distrito Federal, marcadas para sábado, Alencar fez a sua aposta. "Tenho a impressão de que o melhor candidato é do PRB", disse ele, sem citar o nome de Agnaldo Jesus, candidato do seu partido.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.