Alencar já se alimenta normalmente, mas evita visitas

O vice-presidente da República José Alencar assume interinamente o cargo de presidente da República na tarde desta quinta-feira, em função da viagem de Luiz Inácio Lula da Silva à Argentina. Mas não deverá ter um dia muito agitado. Alencar assume o posto a partir de um quarto no hospital Sírio Libanês, onde se recupera de uma cirurgia para retirada de um tumor na região abdominal. Nesta quinta-feira, Alencar caminhou pelos corredores do hospital e almoçou uma comida trazida de sua casa, por familiares. Foram servidos ao vice-presidente arroz, feijão e frango com quiabo.Para os seus assessores, ele está muito bem disposto e se mostra mais uma vez preparado para retomar em breve suas atividades normais. Mas não estão previstos muitos compromissos para o presidente interino. Alencar está internado desde a última segunda-feira e foi operado por volta das nove horas da manhã do dia seguinte. De acordo com os assessores, o fato dele assumir a presidência apenas alguns dias após a cirurgia não deve abalar sua recuperação já que "a interinidade para ele é uma rotina".Mesmo assim, Alencar ainda está evitando receber visitas neste período de recuperação. O médico que acompanha o pós operatório, Raul Cutait, esclareceu que ele já está levando uma "vida normal". "Ele está comendo, andando e conversando", disse o médico. Os cuidados clínicos de Alencar também estão sendo conduzidos pelo médico Roberto Kalil.A equipe médica não soube dizer quando serão divulgados os resultados dos exames de análise patológica que permitirão dizer se o tumor extraído é benigno ou maligno. Também não há uma confirmação de que Alencar deixará o hospital até o final de semana, conforme havia sido previsto no dia da operação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.