Aldo vai avaliar abertura de processo contra Herrmann

O presidente da Câmara, Aldo Rebelo (PCdoB-SP), disse hoje que irá se reunir com o corregedor-geral da Casa, Ciro Nogueira (PP-PI), na segunda-feira, para avaliar a abertura ou não de processo contra o deputado João Herrmann (PDT-SP). Aldo determinou que a Secretaria Geral da Mesa recolha a denúncia contra o parlamentar.Herrmann é acusado de ter recebido, entre março de 2003 e março de 2005, depósitos mensais de R$ 3 mil da Beta (Brazilian Express Transportes Aéreos), que presta serviços à Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos e está sendo investigada pela CPI dos Correios. O presidente da Câmara anunciou também que, ainda na segunda-feira, irá receber João Herrmann, que pretende esclarecer as acusações.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.