Aldo desmente concessão de aposentadoria a Janene

O presidente da Câmara, deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP), desmentiu a informação da revista Veja de que teria aceito o pedido de aposentadoria por invalidez do deputado José Janene (PP-PR). Segundo informou a Agência Câmara, Aldo aguarda resposta da assessoria jurídica da Casa para saber se o deputado teria a chance de se reeleger para a Câmara. Aldo afirmou que concederá a aposentadoria somente se tiver garantia de que o deputado não retornará ao cargo. Janene é acusado de envolvimento no suposto esquema do mensalão e aguarda julgamento pelo Plenário da Câmara. Ele entrou com o pedido de aposentadoria por invalidez em setembro de 2005, devido a problemas cardíacos. O ex-líder do PP na Câmara é acusado de envolvimento no esquema do mensalão porque o ex-assessor da liderança João Claudio Genu sacou R$ 4,1 milhões das contas de Marcos Valério de Souza, acusado de operar o mensalão e o caixa 2 do PT.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.