Alckmin segue internado e presença em debate é incerta

Governador segue internado em São Paulo

WLADIMIR DANDRADE, Estadão Conteúdo

23 de agosto de 2014 | 11h41

O governador paulista e candidato à reeleição pelo PSDB, Geraldo Alckmin, passa bem, mas segue internado no Instituto do Coração (Incor) depois de se sentir mal, na sexta-feira (22), na capital paulista. De acordo com a assessoria de imprensa do governo do Estado, Alckmin será reavaliado neste sábado (23), porém não há como saber ainda se ele participará do primeiro debate entre os candidatos ao governo, hoje (23) à noite, na TV Bandeirantes. Ele teve uma infecção intestinal bacteriana aguda.

O governador passou mal ainda na manhã de sexta-feira, mas conseguiu participar da assinatura do contrato para a implantação e a operação de 14,9 quilômetros da Linha 18-Bronze do Metrô. No retorno ao Palácio dos Bandeirantes, Alckmin sentiu-se mal novamente durante encontro com o deputado federal Beto Albuquerque (PSB), candidato a vice-presidente na chapa de Marina Silva (PSB), e o deputado Márcio França, seu candidato a vice-governador. O governador, então, foi levado para o Incor.

Mais conteúdo sobre:
Alckminhospitaldebate

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.