Alckmin recebe alta do Incor e será liberado nesta terça-feira

Ex-governador e candidato do PSDB está internado desde sábado por conta de uma intoxicação alimentar

da Redação

28 Julho 2008 | 18h33

O candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo,  Geraldo Alckmin , recebeu alta nesta segunda-feira, 28, do Instituto do Coração, em São Paulo, onde está internado há dois dias. Alckmin estava internado desde sábado por conta de uma intoxicação alimentar. No entanto, o tucano só será liberado na manhã desta terça-feira. "O médico David Uip achou melhor que ele ficasse no Incor esta noite e liberado amanhã", disse a assessoria ao estadao.com.br.   Veja também: Calendário eleitoral  Veja as regras para as eleições municipais Especial tira dúvidas do eleitor sobre as eleições    Alckmin esteve por dois dias em Bogotá, na Colômbia, de onde voltou no sábado de manhã, indo direto para uma visita à favela de Paraisópolis. À noite, passou mal e seu médico, David Uip, achou melhor que ele fosse fazer exames no Incor. As suspeitas eram de que Alckmin tivesse consumido em Bogotá algo que lhe fez mal.   Texto atualizado às 20h10

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.