Twitter/Reprodução
Twitter/Reprodução

Alckmin posta vídeo em sítio após revelação de que assumiria Agricultura em eventual governo Lula

Possibilidade de ex-tucano assumir pasta foi criticada por adversários de ex-presidente petista

Lauriberto Pompeu, O Estado de S.Paulo

03 de fevereiro de 2022 | 15h45
Atualizado 03 de fevereiro de 2022 | 15h52

BRASÍLIA - O ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (sem partido) publicou nesta quinta-feira, 3, nas redes sociais, um vídeo no qual ele está em um sítio capinando. "O #tbt de hoje vai pra quem ficou curioso sobre o meu esporte e passatempo favorito: capinar. É aí que eu aproveito pra botar as ideias em ordem. #GeraldoTáOn", declarou, em referência à prática na internet de resgatar fotos e vídeos antigos nas quintas-feiras.

A publicação acontece após o Estadão mostrar que Alckmin, cotado para ser candidato a vice-presidente na chapa de Luiz Inácio Lula da Silva, não quer ser "vice decorativo" e que um dos papéis em estudo para o ex-tucano é de cuidar do setor agropecuário, podendo até ser ministro da Agricultura.

Em resposta ao ex-governador, usuários do Twitter fizeram comentários como "o futuro vice-presidente e ministro da Agricultura do Brasil", "o homem mal é anunciado ministro da Agricultura de um possível governo Lula e já aparece capinando mato" e "sonhando com o Ministério da Agricultura".

Entre as reações também há uma comparação com a senadora Kátia Abreu (Progressistas-TO), que foi ministra da Agricultura da ex-presidente Dilma Rousseff (PT). "A confirmação dele pro Ministério da Agricultura. Dr Gege, a nossa Katia Abreu brasileira", disse um usuário do Twitter em tom de brincadeira.

Críticos de Lula também comentaram a publicação e criticaram Lula e o ex-governador. Xico Graziano, que foi presidente do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) na gestão de Fernando Henrique Cardoso (PSDB), lamentou: "pobre do agro".

Não é a primeira vez que Alckmin divulga vídeos nesse estilo. O ex-governador tem um sítio em Pindamonhangaba (SP), sua cidade natal, e costumava divulgar fotos do local, onde aparecia brincando com os netos, em campanhas eleitorais passadas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.