Alckmin e Nunes farão campanha por Serra no interior

O governador recém-eleito de São Paulo, Geraldo Alckmin, afirmou hoje que deflagrará amanhã, ao lado do senador eleito por São Paulo, Aloysio Nunes (PSDB), que teve mais de 10 milhões de votos, uma campanha para eleger o candidato à Presidência, José Serra (PSDB). Os dois vão percorrer municípios do interior de São Paulo, agradecendo os votos recebido no domingo e pedindo a eleição do presidenciável tucano no segundo turno.

ANDREA JUBÉ VIANNA, Agência Estado

06 de outubro de 2010 | 17h01

Amanhã eles visitam Campinas, Mogi das Cruzes, Santos. Na sexta-feira, vão a Ribeirão Preto e a Presidente Prudente. São Paulo é o maior colégio eleitoral do País, com mais de 30 milhões de eleitores.

Alckmin disse ainda que o candidato Serra crescerá muito mais no segundo turno da campanha porque terá tempo igual de televisão ao da candidata do PT, Dilma Rousseff. "Serra vai crescer na televisão, ele terá presença muito maior", afirmou o governador eleito.

Alckmin, que participa de encontro do PSDB em Brasília, disse que essa campanha presidencial se destacou pela busca de "valores, de postura" e que o PSDB tem o candidato que representa esse anseio do eleitor. "Serra tem valores, princípios e legado de coerência e compromisso com o Brasil. Não esse atraso do personalismo, da companheirada", criticou o tucano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.