Alckmin acha ''natural'' ideia de Aécio para prévias

Enquanto o governador paulista, José Serra, tem evitado a todo custo falar sobre as prévias partidárias no PSDB, o secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, ex-governador Geraldo Alckmin, quebrou o silêncio. Ele considerou "natural" a sugestão do governador mineiro, Aécio Neves, de que os dois pré-candidatos tucanos à Presidência em 2010 devem caminhar juntos pelo Brasil para mostrar unidade da legenda."Poucos partidos no Brasil podem se honrar de ter nomes da estatura do governador José Serra e do governador Aécio Neves", afirmou Alckmin, durante visita a Monte Mor, a 120 quilômetros de São Paulo, junto com o governador. O ex-governador frisou, porém, que o partido não deve se apressar para definir um nome: "A questão eleitoral deve ficar para o segundo semestre, acho cedo ainda."Serra foi ontem a Monte Mor para inaugurar uma escola estadual e uma escola técnica estadual (Etec). Assim como fizera em Hortolândia, no dia anterior, ele se esquivou de comentar a eleição presidencial do ano que vem. "Não vou falar da política porque me tira o lide daqui e, em vez de falar da Etec, vamos falar do tititi da política", disse. Nesta semana, o presidente do PSDB, senador Sérgio Guerra (PE), informou que o governador paulista teria concordado com as prévias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.