AGU vai recorrer contra pagamento de servidores

A Advocacia-Geral da União vai entrar com recurso no Superior Tribunal de Justiça (STJ), na próxima segunda-feira, contra a decisão do ministro Vicente Leal que liberou o pagamento dos salários de outubro dos servidores filiados à Associação Nacional dos Servidores da Previdência Social (ANASPS).A decisão do ministro, tomada nesta quinta-feira, garante o pagamento do salário a 53 mil dos 90 mil servidores do INSS.Um dia após conceder liminar que beneficiava os servidores filiados à associação, o STJ negou nesta sexta liminar pedida pela Confederação Nacional dos Trabalhadores de Seguridade Social (CNTSS), que representa todos os servidores do INSS.O ministro Hamilton Carvalhido não reconheceu o direito dos servidores receberem os salários de outubro. Com isso, por enquanto, só quem tem direito ao salário de outubro são os filiados à ANASPS.Mas nem mesmo estes receberam o pagamento ainda, já que, como o prédio onde funciona a presidência do INSS em Brasília foi invadido nesta quinta-feira, a folha de pagamento não pôde ser rodada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.