AGU impede desbloqueio de dinheiro de Nicolau dos Santos Neto

Ex-juiz trabalhista, condenado por corrupção em 2006, pedia liberação de R$ 7 milhões

Agência Estado

08 Setembro 2011 | 23h00

Ação da Advocacia-Geral da União (AGU) impediu que a Corte de Apelações do Cantão de Genebra concedesse recurso do ex-juiz trabalhista Nicolau dos Santos Neto que pedia o desbloqueio de R$ 7 milhões. O dinheiro se encontra depositado numa conta do Banco Santander em Genebra. A conta está bloqueada desde 1999.

AGU e Ministério da Justiça tentam repatriar o dinheiro para o Brasil, mas as autoridades suíças aguardam o julgamento definitivo do Superior Tribunal de Justiça (STJ) brasileiro para decidir sobre o pedido de repatriação.

Nicolau, que ficou notabilizado como juiz "Lalau", foi condenado pelo Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3) em 2006 pelos crimes de peculato, estelionato e corrupção passiva, mas recorreu ao Superior Tribunal de Justiça (STJ). Somados, esses três crimes totalizam 26 anos, seis meses e 20 dias, a serem cumpridos em regime fechado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.