Agripino Maia quer convocar Meirelles para depor no Senado

O líder do PFL no Senado, José Agripino Maia (RN) disse hoje que vai propor a convocação do presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, para depor nas comissões de Assuntos Econômicos e de Fiscalização e Controle, caso Meirelles não marque esta semana a data de sua ida ao Congresso. Agora, com status de ministro, Meirelles pode ser convocado para depor. Antes da edição da medida provisória do governo, dando a Meirelles o status de ministro, o presidente do BC podia apenas ser convidado a comparecer ao Congresso."O que moveu o governo para fazer essa MP foi tentar blindar o presidente do Banco Central das denúncias que podem acabar dando origem à abertura de processo", disse Agripino. Ele reiterou ainda que o PFL vai entrar com uma ação direta de inconstitucionalidade no Supremo Tribunal Federal, contra a medida provisória.Leia maisGoverno quis esconder Meirelles, diz JutahyAleluia vai ao STF contra MP de MeirellesSarney elogia MP de Meirelles Bornhausen critica MP que dá status de ministro a Meirelles Presidente do Banco Central ganha status de ministro

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.