Agricultores interrompem tráfego entre Estados do Sul

O tráfego pela ponte da BR-153 sobre o Rio Uruguai, na divisa de Santa Catarina com o Rio Grande do Sul, foi interrompido por 40 minutos nesta quinta-feira por centenas de manifestantes vinculados à Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar na Região Sul (Fetraf/Sul).Os agricultores marcharam a pé de municípios do noroeste gaúcho e do oeste catarinense até o local do encontro. Os manifestantes pedem a criação de um seguro, subsidiado pelo governo federal, que garanta uma renda mínima aos agricultores familiares em caso de quebra da safra.Também querem financiamentos para os jovens adquirirem terra e programas destinados à construção de casas para os trabalhadores rurais. Representantes do Ministério da Agricultura e do governo do Rio Grande do Sul, que acompanhavam a manifestação, receberam as reivindicações.No ato público, os agricultores lembraram o conflito ocorrido no mesmo local, no ano passado, quando 22 manifestantes foram presos por não cumprirem determinação dos policiais militares que mandavam desocupar a rodovia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.