Agentes da PF se mobilizam para operação padrão em todo País

A Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef) vai começar, nesta quarta-feira, uma operação padrão em todos os aeroportos do País, revistando bagagens e identificando todos os passageiros estrangeiros. A medida faz parte de uma nova tática adotada pelos agentes federais, em greve há uma semana. Além disso, no mesmo dia, todos os policiais deverão paralisar suas atividades e os 30% de manutenção dos serviços essenciais deverão ser cumpridos por delegados e peritos.Nesta segunda-feira, os grevistas fizeram uma manifestação em frente ao Ministério da Justiça, em Brasília, onde cortaram um bolo de banana de dois metros, simbolizando o aniversário da lei que instituiu o nível superior para os agentes, peritos e papiloscopistas federais. Cerca de 800 pessoas, segundo cálculoda Polícia Militar, estiveram presentes no ato.O governo, segundo a Fenapef, continua irredutível diante da reivindicação da categoria, que quer equiparação salarial de nível superior. Para pressionar, os grevistas ameaçam começar a paralisar portos e aeroportos brasileiros, uma medida considerada radical pelo Executivo. O Ministério da Justiça afirma estar disposto a retomar as negociações, desde que haja fim da greve, mas alega que não há recursos para pagar R$ 600 milhões que seria o custo da elevação salarial.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.