AGENDA POLÍTICA-Nova CPMF e Varig estarão em foco no Senado

O acirramento do clima entre governoe oposição deve aumentar na próxima semana, com o início dasdiscussões sobre a Contribuição Social para a Saúde (CSS), anova CPMF, no Senado e os desdobramentos das denúncias do casoVarig. A vitória do governo na votação da CSS por apenas doisvotos na Câmara dos Deputados esta semana dá fôlego aossenadores oposicionistas para derrubar a nova contribuição.Ainda não é certo se a votação vai ocorrer antes ou depois daseleições municipais marcadas para outubro. A oposição mira também o depoimento do advogado RobertoTeixeira, envolvido na compra da Varig e amigo do presidenteLuiz Inácio Lula da Silva, na Comissão de Infra-Estrutura doSenado. A assessoria do advogado disse que apenas nasegunda-feira poderá informar se ele vai comparecer. Veja a seguir os eventos políticos da semana. SEGUNDA-FEIRA -- Presidente Lula cumpre agenda em São Paulo. Pela manhã,visita a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) e, à tarde,vai se reunir com intelectuais em encontro organizado pelasecretaria de Direitos Humanos do governo federal. TERÇA-FEIRA -- Presidente Lula deve participar da cerimônia de posse deministros do Supremo Tribunal de Justiça (STJ), em Brasília. QUARTA-FEIRA -- Comissão de Infra-estrutura do Senado agendou depoimentodo advogado Roberto Teixeira, acusado de ter influenciado ogoverno a aprovar a venda da Varig para a VarigLog. Teixeirafoi representante do fundo norte-americano Matlin Patterson e éapontado como principal responsável jurídico pelo negócio. -- Presidente Lula recebe príncipe herdeiro do Japão emcerimônia no Palácio do Planalto, onde faz lançamento de selocomemorativo do centenário da imigração japonesa no Brasil.Também recebe o príncipe em um jantar no Itamaraty. QUINTA-FEIRA -- Presidente Lula deve participar da abertura da semananacional anti-drogas, em Brasília. NA SEMANA -- Comissões do Senado começam a discutir CSS, após aCâmara aprovar o tributo. Ainda não há data para o assuntochegar ao plenário. (Reportagem de Maurício Savarese)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.