AGENDA POLÍTICA-Ministros saem para eleição e CSS está na pauta

Em meio a críticas do setorempresarial, mas com o apoio explícito do Ministério da Saúde,a Câmara dos Deputados tenta colocar em votação na terça-feiraa chamada Emenda 29, que inclui a criação da ContribuiçãoSocial para a Saúde (CSS), a nova CPMF. A emenda só vai a plenário depois de forte negociação entregoverno e oposição. A atenção dos políticos também se voltará para aquinta-feira, prazo para desincompatibilização de integrantesdo Poder Executivo que pretendem se candidatar nas eleiçõesmunicipais de outubro, incluindo ministros do presidente LuizInácio Lula da Silva. Veja a seguir os principais eventos políticos previstospara a próxima semana. SEGUNDA-FEIRA -- O presidente Lula recebe, na embaixada do Brasil emRoma, a presidente da Argentina, Cristina Kirchner, e osecretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon. TERÇA-FEIRA -- Câmara tenta votar Emenda 29, que amplia recursos para asaúde e propõe contribuição que, em parte, compensa as perdascom o fim da CPMF, derrubada em dezembro passado. A CSS teriaalíquota de 0,1 por cento sobre as movimentações financeiras,garantindo à saúde mais 10 bilhões de reais por ano. -- Antes, os deputados devem analisar a medida provisória424, que abre crédito extraordinário no valor de 1,8 bilhão dereais em favor de ministérios, que tranca a pauta do plenário. -- O presidente Lula discursa na Conferência de Alto Nívelsobre Segurança Alimentar Mundial, promovida pela Organizaçãodas Nações Unidas em Roma. O evento vai até quinta-feira. Lularetorna ao Brasil ainda na terça-feira. -- O relator da CPI Mista dos Cartões Corporativos,deputado Luiz Sérgio (PT-RJ), apresenta às 10h parecer finalsobre os trabalhos da comissão, que pouco avançou nainvestigação. QUARTA-FEIRA -- A ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) apresenta às 10h,no Palácio do Planalto, balanço quadrimestral do desempenho doPrograma de Aceleração do Crescimento (PAC). -- O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Centralanuncia a nova taxa de juros. QUINTA-FEIRA -- Prazo final para desencompatibilização de cargos para oscandidatos nas eleições municipais. Os ministros Marta Suplicy(Turismo) e Luiz Marinho (Previdência Social), ambos do PT,devem entregar seus cargos em audiência com o presidente Lula.Marta vai concorrer à prefeitura de São Paulo e Marinho, àprefeitura de São Bernardo do Campo (SP). -- Reunião do Conselho de Desenvolvimento Econômico eSocial, às 9h no Palácio do Planalto. No encontro, o ministrodo Desenvolvimento, Miguel Jorge, fala sobre políticaindustrial, e o presidente da Petrobras, Sérgio Gabrielli,aborda o tema da energia. -- O presidente Lula participa no Palácio do Planalto decerimônia pelo Dia Internacional do Meio Ambiente. NA SEMANA -- Seis medidas provisórias trancam a pauta do plenário doSenado, onde a oposição, respaldada por decisão do STF, nãoaceita votar abertura de crédito extraordinário por esseinstrumento. -- A Câmara pode votar em primeiro turno proposta de emendaà Constituição que altera o rito de tramitação das medidasprovisórias. (Reportagem de Carmen Munari e Mauricio Savarese)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.