Aécio perderia para Lula e Dilma em 2014, revela CNT

Pesquisa realizada pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT) para o cenário eleitoral em 2014 mostra que, se as eleições fossem hoje, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) venceria com 69,8% dos votos. O senador Aécio Neves (PSDB) teria 11,9% das intenções de voto e o governador do Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), teria 3,2%.

ANNE WARTH, Agência Estado

03 de agosto de 2012 | 12h14

Os resultados são da 112ª Pesquisa CNT de Opinião, divulgada hoje e realizada entre os dias 18 e 26 de julho deste ano. A pesquisa entrevistou 2 mil pessoas, em cinco regiões do País, e tem margem de erro de 2,2 pontos porcentuais, para baixo ou para cima.

Em um segundo cenário, a CNT substituiu Lula pela presidente Dilma Rousseff. Nessa simulação, Dilma venceria as eleições com 59% das intenções de voto. Aécio Neves teria 14,8%, e Eduardo Campos, 6,5%.

Em um eventual segundo turno, Lula venceria Aécio com 73,4% das intenções de voto, e o tucano teria 15,2%. Contra Eduardo Campos, Lula teria 76,1% dos votos, e o governador pernambucano, 8,7%. Contra Aécio, Dilma venceria com 63,8%, e o senador mineiro teria 21,5%, também em uma segunda rodada do pleito. Contra Campos, Dilma teria 69,1% dos votos, e o governador do Pernambuco teria 12,4%.

Tudo o que sabemos sobre:
eleiçõesCNTpesquisa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.