Aécio diz que Ibope mostra recuperação do havia perdido

O candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, disse que o resultado da última pesquisa Ibope - em que ele subiu de 15% para 19% - mostra uma recuperação do que ele havia perdido junto ao eleitorado e uma "arrancada para a vitória nas urnas". "Não quero governar o País com medo, quero governar o Brasil com coragem e esperança, porque tenho as melhores propostas do que as duas adversárias juntas", disse, numa referência às candidatas Dilma Rousseff (PT) e Marina Silva (PSB), que lideram as pesquisas.

ELIZABETH LOPES E CARLA ARAÚJO, Estadão Conteúdo

16 de setembro de 2014 | 22h30

Ao chegar para o debate promovido pela CNBB e TV Aparecida, no Centro de Convenções de Aparecida, Aécio também reclamou da adversária Marina Silva. O tucano disse que foi surpreendido com o pedido feito por Marina para retirar do ar uma propaganda de sua coligação que vincula a candidata ao PT. "Nós falamos a verdade, pois ela foi filiada por mais de 20 anos ao PT", emendou. E criticou também a adversária petista, dizendo que a candidata oficial perdeu as condições de governabilidade.

Tudo o que sabemos sobre:
eleiçõesAécioIbope

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.