Imagem João Domingos
Colunista
João Domingos
Conteúdo Exclusivo para Assinante

Aécio diz que decisão de Marina é 'resposta às ações autoritárias do PT'

Em nota, o presidente do PSDB diz que filiação da ex-senadora ao PSB é importante conquista do Brasil democrático

João Domingos, O Estado de S. Paulo

05 de outubro de 2013 | 17h18

BRASÍLIA - O senador e presidente nacional do PSDB, Aécio Neves (MG), que é provável candidato à Presidência em 2014, disse neste sábado, 5, que a decisão de Marina Silva de se filiar ao PSB é uma "resposta às ações autoritárias do PT". "O PSDB acredita que a presença de Marina Silva fortalece o campo político das oposições e contribui para o debate de ideias e propostas, tão necessários para colocar fim a esse ciclo de governo do PT que tanto mal vem fazendo ao País", disse em nota.

Leia a íntegra da nota:

"O PSDB considera que a decisão da ex-senadora Marina Silva de se manter em condições de participar das eleições de 2014, filiando-se ao PSB, é importante conquista do Brasil democrático.

É também uma reposta às ações autoritárias do PT, especialmente aos membros do partido que chegaram a comemorar antecipadamente a exclusão da ex-senadora do quadro eleitoral do próximo ano, com a impossibilidade de criação da Rede.

O PSDB acredita que a presença de Marina Silva fortalece o campo político das oposições e contribui para o debate de ideias e propostas, tão necessários para colocar fim a esse ciclo de governo do PT que tanto mal vem fazendo ao País".

Tudo o que sabemos sobre:
AécioMarinaRedePSB

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.