Aécio: Alencar foi construtor de pontes com a oposição

Ex-governador de Minas Gerais, o senador Aécio Neves (PSDB) disse hoje que o vice-presidente José Alencar deixará em todos os que conviveram com ele a lembrança de um "homem cordial, amável, afável e de um construtor de pontes, que sempre buscou o diálogo com a oposição nos termos em que ajudava o País". "E talvez seja esse ponto da sua trajetória política a sua maior marca", destacou.

ROSA COSTA, Agência Estado

29 de março de 2011 | 16h02

"Acompanhamos com muita solidariedade a luta de José Alencar pela vida. Tive oportunidade de estar com ele uma centena de vezes, internado ou no seu apartamento, e ele nunca baixou a guarda, ele sempre acreditava num sopro de vida, acreditava na sua recuperação, e essa crença fez com que ele adiasse tantas vezes o seu encontro com o criador", lembrou. "Acho que, chegando ao céu, o criador vai dizer: poxa, você resistiu, hein!".

Na avaliação de Aécio, Alencar compreendia como poucos a necessidade de ampliarmos as parcerias com o setor privado, "e talvez nisso ele tenha se frustrado um pouco em relação às tímidas iniciativas do governo do qual participou, mas era sobretudo um mineiro na essência, que gostava de cantar em versos e prosas as suas origens". Já o senador Aloysio Nunes (PSDB-SP) se referiu a Alencar como "um vice leal, ministro de muita competência, um empresário de sucesso e acima de tudo um político patriota".

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.