Advogados querem acesso a inquéritos

O Movimento de Defesa das Advocacias (MDA)requereu à juíza Ivana David Boriero, do Departamento de Inquéritos Policiais (Dipo) a mudança da sistemática vigente afim de facilitar aos advogados o acesso aos inquéritos que tramitam por aquele órgão. Atualmente, os inquéritos enviados ao Fórum pelas autoridades policiais com solicitação de prazo para a conclusão de investigações são imediatamente remetidos ao Ministério Público (MP). O tempo em trânsito em cartório é insuficiente para o acesso dos advogados aos autos. Da mesma forma, ao serem devolvidosao Dipo pelo MP, os inquéritos retornam rapidamente às delegacias de origem, o que impede sejam examinados pelosadvogados, com prejuízo do direito de ampla defesa. O MDA, entidade privada sem fins lucrativos foi fundado recentemente por cerca de 100 profissionais pertencentes aos mais destacados escritórios de advocacia do País. É presidida pelo advogado Sérgio Rosenthal, e tem por finalidade colaborar com a ordem dos Advogados do Brasil, bem como a defesa intransigente das prerrogativas do advogado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.