Adiado depoimento de Vaccari no Senado

O tesoureiro do PT e ex-presidente da Cooperativa Habitacional dos Bancários (Bancoop), João Vaccari Neto, encaminhou ofício à CPI das ONGs, no Senado, pedindo adiamento de seu depoimento, previsto para ocorrer amanhã.

ANA PAULA SCINOCCA, Agencia Estado

22 de março de 2010 | 16h07

Vaccari alegou que seu advogado está em Washington, nos Estados Unidos e, por esta razão, solicitou que seja ouvido pela Comissão após a Semana Santa. A previsão é que Vaccari seja ouvido entre os dias 6 e 7 de abril.

Amanhã está previsto o depoimento do promotor do Ministério Público de São Paulo, José Carlos Blat. A vinda dele à CPI está agendada inicialmente para às 9h30, mas a comissão ainda não confirmou o depoimento do promotor.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.