Adauto deixa Transportes e Lula pede transição tranquila

O ministro dos Transportes, Anderson Adauto, entregou ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva a carta colocando seu cargo à disposição. Segundo informação divulgada pela página do Ministério dos Transportes na internet, o presidente Lula recomendou a Adauto que permaneça no cargo "para que seja realizado um processo de transição tranqüilo que terá como data limite o período de desincompatibilização. Indicado pelo vice-presidente José Alencar, Adauto é pré-candidato à prefeitura de Uberaba.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.