Acusados de matar servidores do Trabalho serão transferidos

A Secretaria de Defesa Social de Minas informou que os oito presos suspeitos de envolvimento no assassinato de três agentes fiscais e um motorista do Ministério do Trabalho em Unaí (MG) serão transferidos amanhã para o sistema prisional do Estado. A secretaria ofereceu vagas na penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, para receber os detidos. Segundo a assessoria da pasta, existe um convênio entre a Sub-Secretaria de Administração Penitenciária e Superintendência da Polícia Federal em Minas, que disponibiliza 50 vagas para presos federais no presídio. A PF, em Brasília, confirmou que o delegado Antônio Celso solicitou a transferência ao juiz titular da 9ª Vara da Justiça Federal, Francisco de Assis Betti.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.