Acordo com FMI é positivo, avalia Alckmin

O novo acordo fechado com o Fundo Monetário Internacional (FMI), que garantiu ao País um empréstimo de US$ 15 bilhões mas deve exigir um aperto no ajuste fiscal federal, foi benéfico e não deve influir de forma negativa na economia paulista, avaliou hoje o governador Geraldo Alckmin (PSDB-SP). "Até por uma questão de segurança, para evitar especulação, o aporte de recursos é muito saudável. Para São Paulo não muda nada. Nós não vivemos de repasse de recursos federais, vivemos da arrecadação do ICMS", disse.Segundo Alckmin, a redução do ritmo de crescimento da economia é um fenômeno mundial. "Está ocorrendo no Japão, na Europa, nos EUA. E nós temos aqui do lado a Argentina, passando por enormes dificuldades, além de questões internas como a crise energética. Então, acho que foi uma medida de prudência você poder ter recursos para enfrenta o que vem pela frente", afirmou Alckmin.Nem a crise de energia conseguiu reduzir a taxa de crescimento quanto se previa, ressaltou. "A retração da atividade econômica atinge o mundo todo, o ruim é se houver recessão", afirmou Alckmin. Ele admite que o primeiro semestre foi "muito bom" em termos de crescimento econômico e acredita que os próximos meses não serão ruins. "O segundo semestre geralmente é um pouco melhor, com o Natal, o 13º salário, isso ativa a economia. Acho que nós podemos fechar o ano em situação razoável", avaliou Alckmin.O governador participou hoje do lançamento oficial do programa nacional "Esporte na Escola", anunciado há cerca de um mês pelo presidente da República Fernando Henrique Cardoso. O evento, na EE Fernão Dias Paes reuniu o ministro de Esportes e Turismo Carlos Melles, deputados federais e estaduais, além de prefeitos. São Paulo será o primeiro estado beneficiado pela parceria que permitirá a construção de 398 quadras poliesportivas, com um investimento de cerca de R$ 20 milhões (50% do governo federal e 50% do governo paulista).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.