ACM: votação de medidas provisórias continua

O presidente do Senado, Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA), disse hoje que continuará nesta semana a votação das 72 medidas provisórias pendentes. A votação foi interrompida na semana passada, depois que o PFL se aliou à oposição votando contra o governo. O senador disse que será mantida a ordem estabelecida anteriormente, que prioriza a votação das MPs mais antigas, mas que, caso os líderes tenham outro entendimento, essa ordem poderá ser mudada. ACM disse ainda, em uma rápida entrevista ao chegar em seu gabinete, que a votação da proposta de emenda constitucional que restringe a edição de MPs é um assunto da Câmara. No PFL, as articulações para a indicação de um terceiro candidato à presidência do Senado continuam. O partido pretende indicar um candidato para disputar com o presidente do PMDB, Jader Barbalho (PA), e o candidato da oposição, Jefferson Peres (PDT-AM). O assunto está sendo tratado pelo presidente do PFL, Jorge Bornhausen (SC).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.