ACM Neto ameaça expulsar Paulo Octávio do DEM

Em nota divulgada nesta tarde, o deputado baiano ACM Neto, vice-presidente nacional do DEM, ameaçou o governador em exercício do Distrito Federal, Paulo Octávio, de expulsão da legenda caso não renuncie ao cargo.

TIAGO DÉCIMO, Agencia Estado

18 Fevereiro 2010 | 18h35

"O partido não pode mais ter qualquer vínculo com o governo do DF", disse Neto. "Quem não renunciar a seus cargos vai ser expulso da legenda. Já pagamos um preço muito alto por tudo o que aconteceu, não podemos continuar vinculados a esse governo", completou.

Nesta tarde, o governador em exercício anunciou que, embora tenha a carta de renúncia pronta, permanecerá no cargo em nome da governabilidade do Distrito Federal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.