ACM diz que não tem a lista de votação

Em resposta à senadora Heloísa Helena que pediu que divulgasse a lista, ACM respondeu: "Não tem lista, se tivesse também não poderia revelar, porque estaria cometendo crime". ACM contou que durante as conversas que precederam a cassação do senador Luiz estevão, ele sempre encontrou o desejo da senadora Heloísa Helena de cassar Luiz Estevão, em benefício do próprio senado. ACM relatou que, certa vez, ele estava desconfiado de que um senador não identificado queria votar contra a cassação e que a senadora Heloisa Helena procurou informações e voltou a falar com ACM e disse que o referido senador iria votar a favor da cassação. Pressionado a revelar o nome do senador, ACM disse que não poderia cometer crime de violação. "Se eu não pedi para violar, e isso está provado, não vou falar o nome." Ainda sobre a especulação de que Heloísa Helena teria votado contra a cassação de Luiz Estevão, ACM disse ainda que "não acredita que vossa excelência (Heloísa Helena) tenha votado a favor de Luiz Estevão, e dirigindo-se à senadora afirmou que, em qualquer lugar que ele estiver e diante de qualquer lista que apareça, ele será um defensor da senadora". ACM disse que está encaminhando ao relator do Conselho de Ética, Roberto Saturnino (PSB-RJ), documentos que mostram "quantas incoerências foram passadas pelo procurador da República Luiz Francisco em torno do episódio".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.