ACM diz poder provar que FHC sabia de risco de energia

O ex-senador Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA), disse há pouco à Agência Estado que trouxe em sua bagagem um calhamaço de documentos que vai provar que o presidente Fernando Henrique Cardoso sabia do risco do colapso energético que o Brasil corria. Ele rebateu as criticas de seus adversários que afirmam que os dois últimos ministros de energia, Raymundo Brito e Rodolpho Tourinho eram ligados a ele. "Os documentos que vou apresentar ainda hoje, mostram que os dois alertaram o governo sobre o risco da crise energética. O presidente Fernando Henrique sabia da necessidade de se investir no setor energético e só não o fez para atender aos interesses do FMI", disse ACM. O ex-senador disse que vai mostrar os documentos no Programa Passando a Limpo da TV Record hoje à noite.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.