"Acareação não é show circense", diz Tebet

Ao abrir a sessão da Comissão de Ética do Senado, o senador Rames Tebet (PMDB-MS) afirmou que o evento é histórico, pois demonstra o avanço da democracia brasileira rumo à igualdade de todos perante a lei - referindo-se à condição de ?absoluta igualdade? entre os acareados, os senadores Antonio Carlos Magalhães (PFL-BA), José Roberto Arruda (sem partido-DF) e a funcionária pública Regina Borges. Tebet disse que a sessão da Comissão ?não é um show circense?, e sim um momento de aprofundamento do regime democrático.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.