Absolvição não afeta processo no STF, diz ministro

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Ricardo Lewandowski disse que o fato de o Senado ter absolvido Renan Calheiros não interrompe o processo judicial contra ele. "Lá houve um julgamento político; aqui será um julgamento técnico-jurídico. Lá se avaliou se houve quebra de decoro. Aqui é outra questão."Lewandowski é o relator do processo. O procurador-geral da República, Antonio Fernando de Souza, requisitou ao STF 5 diligências. Quando forem concluídas, o ministro as enviará a Souza, que decidirá se oferece ou não denúncia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.