Abertura de arquivos envolve questões de Estado, diz Bastos

O ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, disse hoje que provavelmente na próxima semana vai tratar com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva da abertura dos arquivos do regime militar. O ministro, que participou da cerimônia de assinatura de acordo de cooperação internacional para o combate à pirataria e contrabando de cigarros, disse que a Advocacia Geral da União (AGU) vai avaliar a decisão de um juiz de Guaratinguetá, que requisitou a abertura desses arquivos. O ministro disse que em princípio decisão de Justiça se cumpre, mas que a AGU vai avaliar, porque existem questões de Estado envolvidas nesses arquivos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.