À mesa, oferta de US$ 1 milhão

O capítulo El Tranvía rendeu condenação a Daniel Dantas, o mais pesado revés judicial que a Operação Satiagraha impôs até aqui ao banqueiro: 10 anos de prisão. Nas semanas que antecederam o estouro da operação, em julho de 2008, a churrascaria uruguaia foi palco de longa e tensa negociação - à mesa, dois supostos aliados de Dantas, Humberto Braz e Hugo Chicaroni, teriam oferecido US$ 1 milhão ao delegado Victor Hugo Rodrigues Alves, que havia sido escalado por Protógenes Queiroz, mentor da Satiagraha. Em troca do dinheiro, Dantas e familiares ficariam livres do inquérito. Ele nega a trama.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.