28 cidades não conseguem eleger prefeitos no 1º turno

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou, nesta sexta-feira, nota informando que poderá haver novas eleições em 28 municípios onde o número de votos nulos superou em mais de 50% o número de votos válidos. A nota do TSE esclarece, entretanto, que estar incluído nesta lista não implica, necessariamente, a realização de nova eleição no município.É que, na lista, figuram candidatos eleitos que tiveram seus votos computados como nulos por estarem com o registro de candidatura indeferido e cuja decisão ainda não transitou em julgado. É o caso de municípios onde o número de votos nulos realmente superou o de válidos.A nova eleição, cuja data será posteriormente definida pelos Tribunais Regionais Eleitorais, dentro do prazo de 20 a 40 dias, de acordo com Artigo 224 da Lei Eleitoral, só será realizada no município onde o número de votos nulos atingir mais da metade dos votos registrados, depois de julgados e publicados todos os recursos ajuizados no TSE (decisão transitada em julgado).28 cidades sem prefeito Clique no nome das cidades para saber como foi a votação. Em algumas, os candidatos tiveram 0 votos enquanto os nulos foram mais 94% Cidade Porcentagem de votos nulos AMBoca do Acre 50,63 AMItamarati 62,36 BAIramaia 50,02 BAJacobina 57,98 BASão José do Jacuipe 51,34 BAVarzedo 56,12 ESPresidente Kennedy 54,46 GOAlvorada do Norte 83,03 GOPalestina de Goiás 65,58 GOTurvelândia 52,77 GOFlores de Goiás 87,80 GOSanta Rita do Araguaia 56,76 GOSão Joao D´Alianca 50,86 MABarão de Grajau 59,59 MACandido Mendes 74,23 MGJuatuba 54,30 MGBocaina de Minas 52,12 MGAricanduva 56,10 MGConceição dos Ouros 50,03 MGIpanema 94,93 MGRubim 52,50 MGSão Sebastião da Bela Vista 97,90 MSDois Irmãos do Buriti 69,19 MTParanatinga 55,83 PBCaldas Brandão 51,84 PETerra Nova 55,45 SEDivina Pastora 61,46 SENossa Senhora de Lourdes 56,69

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.