Dida Sampaio / Estadão
Dida Sampaio / Estadão

23,7% dos paulistanos nunca se informam sobre política, diz pesquisa

Levantamento faz parte do inédito Índice de Democracia Local, que estabelece correlação entre conhecimento político e confiança na democracia

Tiago Aguiar e Eduardo Kattah, O Estado de S.Paulo

05 de dezembro de 2019 | 08h00
Atualizado 05 de dezembro de 2019 | 19h50

Uma pesquisa publicada nesta quinta-feira sobre a confiança dos residentes da cidade de São Paulo nas instituições democráticas mostra taxas baixas de confiança na democracia e de participação política. Entre os critérios analisados, o estudo aponta que 23,7% dos residentes em São Paulo que são eleitores nunca se informam sobre política.

O número foi descoberto durante a elaboração do Índice de Democracia Local de São Paulo, metodologia do Instituto Sivis que pesquisa e edita publicações de aprimoramento da cultura democrática no Brasil. A pesquisa, que é parte do índice, entrevistou 2417 residentes de São Paulo e a margem de erro é de 2%. As perguntas avaliaram critérios como participação política, conhecimento das instituições públicas e apoio à democracia.

Pedro Veiga, diretor-executivo do Sivis, diz que mais de 40 pesquisadores ajudaram na concepção do índice que deu nota final de 5,67 - num espectro de 0 a 10 - para a qualidade da democracia em São Paulo. Segundo ele, a nota não é boa, mas destaca que a diferença de resultado entre diferentes eixos que compõe a nota final mostra nuances - processo eleitoral recebeu 7,91 e participação política recebeu 4,14.

“Os resultados mostram que há uma relação forte entre educação política e apreço à democracia”, afirma Pedro. Entre os cidadãos que afirmaram que a democracia é preferível a qualquer outra forma de governo, independentemente das circunstâncias, 68,1% afirmaram já ter feito cursos sobre o funcionamento do sistema político brasileiro.

A confiança em instituições também foi medida. 42,2% afirmaram confiar nas Forças Armadas, 34,4% nas polícias e 28,1% no Poder Judiciário. Os partidos políticos têm a menor confiança: 5,8%, resultado próximo a levantamentos do tipo de todos os institutos nos últimos anos

O relatório completo, que explica a nota de 5,67, dá notas a cada região da cidade nos critérios de funcionamento do governo, liberdades políticas e qualidade do processo eleitoral. Esses critérios são baseados em entrevistas com especialistas que foram somadas à pesquisa de campo.

O Índice de Democracia Local, criado pelo Instituto Sivis, já foi testado em Curitiba em 2017, mas a metodologia aplicada aqui em São Paulo é inédita, portanto não há comparações possíveis com outras cidades brasileiras.

A pesquisa completa está disponível no site do instituto: sivis.org.br.

Tudo o que sabemos sobre:
democraciaSão Paulo [cidade SP]

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.