2º turno da CMPF será na terça, diz Aécio

O presidente da Câmara, Aécio Neves, (PSDB-MG), confirmou nesta quarta-feira à tarde para a próxima terça-feira a votação em segundo turno da PEC que prorroga a CPMF. Ele informou que já conversou com os líderes de oposição e com o líder do PFL na Câmara, Inocêncio Oliveira, que manifestou a decisão do partido de não obstruir a votação da CPMF na próxima semana."Esperamos que as coisas se esclareçam para permitir que, na próxima semana, sejam retomadas as votações. Não permitirei que as atuais crises políticas prejudiquem a pauta", afirmou Aécio, ressaltando que as matérias que estão pendentes não são de interesse exclusivo do governo, mas do País.Ele citou como exemplo a proposta de combate à violência e a votação do Código de Processo Penal. Aécio destacou também a proposta que regulamenta o sistema financeiro e medidas de ordem tributária. "O que é importante é que o PFL continue apoiando o governo e os projetos em tramitação. O PFL jamais faltou e não faltará. O que temos é que harmonizar as relações", disse Aécio.Indagado se a reforma ministerial deveria ser antecipada, o presidente da Câmara disse que o assunto é de competência do presidente FHC, assim como uma decisão no sentido de antecipar a eventual saída do ministro da Justiça, Aloízio Nunes Ferreira, que vem sendo cogitada por setores do PFL. Aécio disse que o ministro da Justiça vem fazendo um bom trabalho.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.