15 mitos e verdades sobre a Bandeira do Brasil

No Dia da Bandeira, veja se o que você aprendeu sobre o símbolo nacional é verdadeiro ou faz parte do imaginário popular

O Estado de S. Paulo

19 Novembro 2015 | 09h37

Você sabe por que as cores do Brasil são verde, amarelo, azul e branco? Que existem regras para jogar fora uma bandeira nacional? E que, embora apareça em bandeiras de outros países do hemisfério, só no pavilhão brasileiro o Cruzeiro do Sul é retratado de forma invertida?

Neste Dia da Bandeira, conheça essas e outras curiosidades sobre um dos símbolos do País. Por sinal, aqui vai uma primeira informação, para quem nem lembrava que 19 de novembro é o dia da bandeira: foi nesta data, em 1889, quatro dias depois da Proclamação da República, que o governo provisório do marechal Deodoro da Fonseca editou o quarto decreto do novo regime, no qual instituía a bandeira e os demais símbolos oficiais do Brasil. O pavilhão foi criado sob forte influência do positivismo do francês Auguste Comte, escola seguida por líderes do movimento republicano como Raimundo Teixeira Mendes, a quem se atribui a concepção da bandeira.

Veja abaixo 15 mitos e verdades sobre a Bandeira do Brasil. Aproveite e clique aqui para ver a notícia publicada pelo Estado em 1889 sobre a criação do novo pavilhão nacional.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.