12 mil entram em greve no Judiciário da Bahia

Os 12 mil servidores do Poder Judiciário baiano entraram em greve ontem por tempo indeterminado. Segundo o Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário, em junho foi entregue ao Tribunal de Justiça da Bahia o projeto do plano de carreira dos funcionários. Na pauta de reivindicações constavam, entre outras propostas, a progressão por escolaridade, o pagamento da substituição e o envio de um projeto de lei para subsídio da casa própria nos moldes do Executivo. Segundo o sindicato, a pauta não foi cumprida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.