Dida Sampaio/Estadão
Dida Sampaio/Estadão

Vice do PT será definido no dia 14, afirma Gleisi              

Presidente do partido diz que as conversas estão sendo feitas com os presidenciáveis Manuela d'Ávila (PCdoB) e Ciro Gomes (PDT)

Katna Baran, O Estado de S.Paulo

03 de agosto de 2018 | 19h53

A senadora Gleisi Hoffmann, presidente nacional do PT, afirmou nesta sexta-feira, 3, que o partido deixará só para o dia 14 a definição do nome de vice na candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência. "Não houve nenhuma mudança jurisprudencial na Justiça Eleitoral", justificou a senadora sobre uma possível modificação de entendimento de Tribunal Superior Eleitoral (TSE), determinando que o nome de vice seja homologado 24h após as convenções partidárias.

Gleisi também negou que a sigla já tenha fechado a vice com Manuela d'Ávila (PCdoB), pré-candidata do PCdoB à Presidência, que é cotada para o cargo. A senadora afirmou ainda que há possibilidade de aliança com o PDT do pré-candidato Ciro Gomes. "Não tem nada fechado. Inclusive ainda estamos conversando", disse.

As declarações foram em Curitiba, em frente à superintendência da Polícia Federal, onde a senadora esteve reunida com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Da reunião, que durou quase três horas, também participou o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, coordenador da campanha presidencial do PT.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.