Urna furtada pela 1ª vez

Uma urna eletrônica foi furtada na madrugada de ontem na zona leste da capital paulista. Foi o primeiro caso do tipo registrado no Estado.

O Estado de S.Paulo

29 de outubro de 2012 | 03h04

De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP), o aparelho pertencia à zona eleitoral da Escola Estadual Prefeito Francisco de Assis Pires Correa, no Conjunto José Bonifácio. Os ladrões invadiram o local pelo telhado do colégio.

A urna furtada foi substituída às 8h20, sem prejuízo ao processo de votação, já que ela nem sequer havia registrado votos. Segundo o TRE-SP, o aparelho foi inutilizado. Até as 18 horas, ele não havia sido recuperado e a polícia continuava atrás dos ladrões.

Em todo o Estado, 74 das 36.213 urnas utilizadas nesta eleição precisaram ser substituídas por problemas técnicos - 33 na capital. Balanço divulgado ontem à noite ainda apontava a prisão de duas pessoas por crime de boca de urna em Guarulhos e oito em Santo André, ambas na Grande São Paulo. Em Diadema, dois fiscais de votação foram detidos após brigarem durante a eleição. / ADRIANA FERRAZ

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.