Universal libera campanha de candidato em porta de templos

Militantes e membros do PRB que disputam vaga de vereador vão distribuir folhetos de Russomanno aos fiéis da igreja

FERNANDO GALLO, O Estado de S.Paulo

07 de setembro de 2012 | 03h04

O coordenador da campanha de Celso Russomanno (PRB), Marcos Pereira, admitiu ontem pela primeira vez que a Igreja Universal do Reino de Deus apoia o candidato. Segundo ele, militantes que trabalham nas campanhas do PRB para vereador, além dos próprios candidatos à Câmara, distribuirão seus folhetos junto com os de Russomanno na porta dos templos da Universal.

"A igreja apoia (Russomanno) como apoia outros candidatos, permitindo que distribua o panfleto na porta", afirmou Pereira ao Estado. "O vereador vai dar o folhetinho dele com a imagem do Celso. É só isso", completou,

Embora a campanha de Russomanno tente desvinculá-lo da Universal, não apenas os coordenadores da candidatura são ligados à igreja, como todos os principais líderes do PRB são bispos ou pastores licenciados.

Sete dos nove deputados do partido na Câmara são da Universal, bem como o único senador da legenda, bispo Eduardo Lopes (PRB-RJ). O ministro da Pesca, bispo Marcelo Crivella, além de integrante da Universal, é sobrinho de Edir Macedo.

Em São Paulo, os dois deputados do PRB na Assembleia Legislativa - Gilmaci Santos e Sebastião Santos - são pastores da igreja. O único vereador que a legenda atualmente tem na Câmara Municipal, Atílio Francisco, é bispo.

Também são da igreja todos os principais membros da Executiva Nacional do partido, como o presidente do Conselho Político, deputado Antonio Bulhões, que apresentava o programa Fala que Eu Te Escuto na TV Record.

Outros candidatos têm tentado obter apoios dos evangélicos e católicos. José Serra (PSDB) já foi abençoado na Igreja Mundial, participou de show da igreja Renascer e esteve em missa celebrada pelo padre católico Marcelo Rossi, que ontem recebeu o peemedebista Gabriel Chalita.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.