TSE tem pendentes 1.200 pedidos de impugnações

Ayres Britto informou que os ministros do tribunal darão prioridade aos processos movidos contra candidatos

Agência Brasil

27 de outubro de 2008 | 19h11

O  Tribunal Superior Eleitoral (TSE) recebeu durante o processo de eleições municipais deste ano mais de seis mil pedidos de impugnações de candidaturas a prefeitos e vereadores, o dobro de ações impetradas nas eleições municipais de 2004. O presidente do TSE, ministro Carlos Ayres Britto, disse que os ministros da Corte trabalharão "em regime de esforço concentrado" para julgar até o fim de dezembro os 1.200 processos ainda pendentes.   Ayres Britto informou que os ministros do tribunal darão prioridade aos processos movidos contra candidatos à prefeitos para "dar tranqüilidade à população". O presidente do TSE reconheceu que "há casos delicados" entre os processos ainda a serem apreciados.   Para garantir que cada município tenha conhecimento do prefeito e dos vereadores que os representarão nos próximos quatro anos serão realizadas sessões extraordinárias para a apreciação de cada processo.

Tudo o que sabemos sobre:
TSEeleições 2008Carlos Ayres Britto

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.