TRE-RJ lacra prédio da Igreja Universal e apreende material de campanha de Crivella

No local, foram apreendidos material de campanha e listas com números de título de eleitor

Tiago Rogero, O Estado de S. Paulo

25 de outubro de 2014 | 15h39

RIO - Fiscais do Tribunal Regional Eleitoral do Rio (TRE-RJ) lacraram na manhã deste sábado, 25, um prédio da Igreja Universal do Reino de Deus em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. No local, foram apreendidos material de campanha e listas com números de título de eleitor. A propaganda seria do candidato a governador Marcelo Crivella (PRB), bispo licenciado da Universal.

Entre o material apreendido, havia formulários com o símbolo da igreja e que eram preenchidos pelos eleitores com informações pessoais, inclusive com locais de votação. Um documento também trazia, logo abaixo do logotipo da igreja, o endereço do site de Crivella. O candidato pode responder por abuso de poder econômico ou propaganda eleitoral irregular.

A Universal tem sido centro das críticas do adversário de Crivella, o governador e candidato à reeleição, Luiz Fernando Pezão (PMDB). Enquanto a campanha peemebista reforça a ligação entre o ex-ministro da Pesca e a igreja, fundada por seu tio, o bispo Edir Macedo, Crivella tenta dissociar sua imagem da instituição, afirmando estar licenciado da função de bispo desde que entrou na vida pública.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.