STF desarquiva ação contra Pedro Henry

O plenário do Supremo Tribunal Federal desarquivou ontem um inquérito em que o deputado Pedro Henry Neto (PP-MT), um dos réus do mensalão, que era investigado por suspeita de contratação de assessor técnico como piloto particular. O ministro Dias Toffoli havia arquivado o processo por entender que a conduta de Henry não podia ser considerada crime. / MARIANGELA GALLUCCI

BRASÍLIA, O Estado de S.Paulo

02 de março de 2012 | 03h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.